Por: Deca Yamakawa

 

No domingo de Carnaval, chamo um Uber para uma viagem curta. Abro a porta e penso estar diante de um carro alegórico. Há purpurina nos bancos, encostos, tapetes e teto. “Meu Deus!”, digo em tom de brincadeira.

O motorista, que tinha levado um monte de crianças para um bloquinho de rua, comenta desolado: “acabei de ganhar uma nota baixa por causa disso, mas não consigo tirar, nem com aspirador”.

“Pois o senhor encontrou a passageira certa. Posso limpar?”, pergunto, já sacando um rolo de fita adesiva que, por acaso, tinha na bolsa. Antes de ele dizer “sim”, já tinha limpado metade do banco rs.

Estou craque em tirar purpurina de tudo, principalmente aquelas espalhadas pelas crianças: da roupa, do piso, da toalha, da cama, do gato etc.

Pode ser simples e até divertido (para os obsessivos rs)! Vamos lá?

 

Piso

Arme-se de um aspirador de pó! Ele resolve mais de 70% do problema. Para as purpurinas teimosas, que não desgrudam, ataque com fita adesiva ou aqueles rolinhos adesivos de tirar pelos.

Ainda ficou resquícios? Calma. Umedeça um pano de microfibra em um produto à base de água oxigenada ou água sanitária com detergente (se o tipo de piso permitir) e esfregue até sair.

 

Tolha, roupas e calçados

Não coloque as peças com o brilho na máquina de lavar! Caso contrário, você terá purpurina em muitas roupas por um bom tempo.

Primeiramente, tente se livrar do excesso, seja com as mãos, seja com secador de cabelos (cuidado para não espalhar pela casa toda; direcione o ar para um canto onde seja fácil de limpar depois).

Em seguida, use o rolinho adesivo ou qualquer outra fita que grude (tipo Durex).

Com as toalhas de banho, cuidado. Espere que elas estejam totalmente secas antes de tentar retirar a purpurina. Então, use o secador e a fita adesiva.  

 

Sofás, tapetes e roupas de cama

Fita adesiva e aspirador de pó também são os recursos mais eficientes para esses objetos.

No caso de ter muita purpurina, compre fitas adesivas largas, o que torna o processo mais rápido e eficiente.

 

Carro

No carro, a limpeza exige aspirador de pó e fita adesiva.

Se o banco estiver molhado, use o secador, mas com muito cuidado para não espalhar a purpurina nos cantos difíceis de remover.

Para bancos de tecido, junte o brilho com uma escova bem macia, facilitando, assim, a limpeza com o aspirador de pó.

Se for de couro, aspire primeiro e, depois, use um paninho úmido (um pouco de detergente neutro pode; o que não pode é sabão de coco, em pó e líquidos multiuso, para não ressecar nem manchar).

 

Fontes: Adriana Scagliusi Santini, professora da Sigbol Fashion; Flávia Ferrari, youtuber e autora do livro "A dica do Dia - Soluções Práticas para Facilitar Sua Vida".